Article

OSCAR 2017 | LION: UMA JORNADA PARA CASA

LION: UMA JORNADA PARA CASA (Lion. 2016. Direção: Garth Davis. Roteiro: Luke Davies. Elenco: Dev Patel, Rooney Mara, David Wenham, Nicole Kidman, Priyanka Bose, Sunny Pawar.)

Lion: Uma Jornada para Casa[dropcap size=small]H[/dropcap]istórias emocionantes de vida, de superação, de luta e de buscas improváveis sempre brindam o cinema e os espectadores, todos os anos. Em 2016, a história que mais nos proporcionou essa sensação foi a de Saroo Brierley.

Quando ele ainda era somente Saroo, o menino indiano carregava pedras aos cinco anos para ajudar a mãe. Um belo dia, ele se perdeu da mãe, acabou num trem, e só desceu em Calcutá, bem longe de casa.

Lá, sem saber de onde veio, e como chegar lá, o garoto indiano aprendeu a falar inglês, e foi adotado por um casal australiano, Sue e John Brierley (de onde saiu o sobrenome final dele).

Quando ele se torna adulto e tenta seguir sua vida normalmente, as memórias de Saroo começam a retornar, e ele se lembra de tudo o que já passou, e mais ainda, querendo voltar pra casa.

Desta forma, Saroo Brierley, vinte e cinco anos depois de ser adotado, decide ir atrás da mãe e do irmão biológicos, pra conhecer e relembrar de todo o seu passado perdido.

Esse é Lion: Uma Jornada para Casa, uma das melhores produções do ano, e que nos traz uma belíssima história de busca pelas peças perdidas da vida. E incrivelmente, é uma história real.

Essa história é baseada no livro “A Long Way Home”, escrito pelo próprio Saroo Brierley. O roteiro deste filme é escrito por Luke Davies, e apesar dele não ter nenhuma experiência na área, ele entrega um roteiro fenomenal, com uma leitura bem fiel da história emocionante de Saroo, focando sempre nos detalhes, e em tudo o que o protagonista foi capaz de fazer para tentar chegar à família dele.

O protagonista é interpretado pelo talentosíssimo Dev Patel. O ator é certamente conhecido por ter dado vida à Jamal Malik, o protagonista do multi vencedor de prêmios Quem Quer Ser Um Milionário?, bem como ter participado dos filmes O Homem que Viu o Infinito e O Exótico Hotel Marigold.

Neste filme, Patel assume a forma adulta de Saroo, e se dedica à sua melhor interpretação da carreira, carregando toda a emoção e a esperança do protagonista em reencontrar sua família, após tantos anos afastados, ao mesmo tempo em que se entrega nas suas cenas mais espetaculares, ao executar o impressionante feito de procurar a família pelo Google Earth.

Lion: Uma Jornada para Casa

Mas Dev Patel só entra no filme após a metade. Antes de chegar lá, o personagem é trazido à vida pelo jovem de 8 anos de idade, humilde e talentosíssimo Sunny Pawar. Como de praxe da maioria dos diretores que trabalham com o tema e com histórias de pessoas de regiões subdesenvolvidas, Garth Davis recrutou Pawar, nativo da Índia, para interpretar Saroo ainda com cinco anos de idade.

E Pawar roubou a cena em Lion. A performance entusiástica e cheia de vida do garoto é o motor de metade do filme, e o que guia, por meio de flashbacks, nós e a versão adulta dele mesmo, já Dev Patel. Em suma: ele é, em 2016, o que Jacob Tremblay, em O Quarto de Jack, foi em 2015.

Como suporte do filme, o diretor Garth Davis se utilizou de dois trunfos preciosos: David Wenham e Nicole Kidman, que interpretam os pais adotivos de Saroo.

Wenham, que interpretou Faramir na franquia O Senhor dos Anéis, ganha na sua presença charmosa em cena. Mas Kidman é fundamental para o filme. Sua atuação, em reação à busca do filho adotivo pela família biológica, é primorosa e única de todas as formas.

Kidman detalha perfeitamente toda a aflição de uma mãe ao ver-se na iminência de perder a pessoa de quem cuidou e quem criou com tanto apreço, para um movimento natural do ser humano. Em cena, ela mostra o motivo de ser merecedora de tantas indicações ao Oscar, incluindo o que ganhou de melhor atriz por As Horas.

Para completar essa equipe fenomenal, Dustin O’Halloran e Hauschka compuseram a trilha sonora perfeita para Lion, nos brindando os ouvidos com a sonoridade da música instrumental preparada por eles, e que se encaixa perfeitamente com o filme, ajudando a criar todas as sensações de emoção que todos sentem.

Lion: Uma Jornada para Casa, em seu resultado, é um filme fenomenal. A história de luta, que é belíssima, nos passa a mensagem de ter força de vontade e coragem, para abandonar tudo e correr atrás dos sonhos, independentemente de qualquer coisa. Lion nos transforma capazes de brigar pelo o que for preciso.

P.S.: a explicação sobre o nome de Saroo, ao final do filme, é simplesmente tocante. Ao assistir, é como um tapa. Mas a sensação é incrível.

Lion: Uma Jornada para Casa foi indicado a 6 Oscars em 2017:

  • Melhor Filme;
  • Melhor Ator Coadjuvante, para Dev Patel;
  • Melhor Atriz Coadjuvante, para Nicole Kidman;
  • Melhor Roteiro Adaptado, para Luke Davies, baseado no livro “A Long Way Home”, de Saroo Brierley.
  • Melhor Trilha Sonora, para Dustin O’Halloran e Hauschka;
  • Melhor Fotografia, para Greig Fraser.

A cerimônia de entrega dos Oscars em 2017 ocorrerá na noite de domingo, 26 de fevereiro.

Trailer | Lion: Uma Jornada para Casa

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePin on Pinterest

Um ajudante de super-herói perdido em Tatooine, com várias pedras de metanfetamina.

209 views
Scroll Up