Article

Contos de Òrun Àiyé por Hugo Canuto

Embora desde 2013 eu tenha pensado em desenvolver um trabalho que abordasse a mitologia Africana, há alguns meses resolvi começar, ao fazer a arte “The Orixas” em honra aos 99 anos do mestre Jack Kirby, um dos artistas mais influentes dos quadrinhos.

Decidi concretizar a iniciativa, pois acredito que é preciso contar tramas que dialoguem com nossa cultura, à partir de outros olhares.

The Orixas – Homenagem aos 99 anos de Jack Kirby

[dropcap size=small]A[/dropcap]ssim, retornei a Bahia para me aprofundar nas pesquisas, conversar com estudiosos e adeptos, procurando auxílio na construção desse universo, visando algo que honre a tradição, ao mesmo em que apresente, de uma maneira artística e com uma abordagem diferente, as histórias dos Orixás.

Ao longo dos anos de trabalho para criar o universo de Mayrube, muitas vezes busquei inspiração na história das civilizações do continente africano. Dei-me conta de que, apesar de viver no país que mais recebeu os povos da diáspora, sua contribuição para o nosso desenvolvimento e importância ainda é subestimada sob camadas de preconceitos. É necessário para entendermos nossa identidade como povo, e a lei 10.639/03, que versa sobre o ensino da cultura afro-brasileira e africana se mostra fundamental, resgatando essa herança para as novas gerações.

E assim surgiu o projeto Orixás – Contos de Òrun Àiyé, que irá levar as poderosas narrativas da cultura Yorubá ao formato das Histórias em Quadrinhos, em um album colorido e inicialmente com 80 páginas (caso as metas estendidas sejam alcançadas vamos colocar mais material), trama completa e que será lançado, com a sua ajuda, no primeiro semestre de 2017.

Este projeto acredita no mercado nacional de Hqs e nasce da vontade de produzir um material de qualidade, com preço acessível para o público.

Acompanhem a nossa página www.facebook.com/ContosdeOrunAiye, nela postamos novidades, artes, fichas de personagens e processo de criação da revista.

Matérias na imprensa sobre o projeto:

“Era um tempo em que reis e heróis caminhavam na terra… Ali, entre o oceano seco de areia e as florestas de chuva, havia um mosaico de povos cujas cidades, feitas de marfim e bronze, amavam a guerra e o comércio com a mesma intensidade… Artesãos, sábios, feiticeiros, que marcaram para sempre o destino de dois continentes.”

Acima – Página Dupla da história.

Esse é o universo dos Contos de Òrun Àiyé, construído a partir dos Itan, as histórias contadas oralmente por séculos nas tribos Yorubás, situadas hoje entre a Nigéria e o Benin, cujos filhos espalhados pela diáspora criaram raízes no Brasil.

No princípio, quando céu e o terra estavam unidos, os Orixás viviam entre os mortais. Influenciando os caminhos, lutando juntos ou ensinando o domínio dos elementos, entidades como Xangô, Yemanjá, Ogum e Iansã deixaram um legado capaz de triunfar sobre o tempo, seus feitos chegando aos nossos dias com o mesmo encantamento com que eram contados nas velhas cidades da África Ocidental.

E para poder tornar esse projeto real, formamos uma equipe criativa que conta com roteiro e lápis meus, arte final e diagramação do Marcelo Kina, e as cores incríveis do Pedro Júnior, ambos profissionais dos quadrinhos e animação.

CONTEÚDO

Serão duas histórias completas, tramas fechadas.

Os Contos de Òrun Àiyé serão publicados no Formato americano – 17 x 26 cm, com 80 páginas entre história e alguns extras, edição colorida. Miolo em papel Off set LD 75g Miolo e Capa 240 g.

Além das histórias, teremos esboços do projeto, design de personagens e cenários, assim como uma Galeria com Artistas convidadas que divulgaremos ao longo da campanha. Abaixo alguns nomes já confirmados.

Flávio Luíz Nogueira (O Cabra, Aú o Capoeirista), Oliver Borges (Aurora Comics), Ricardo Cidade, Rafael Oliveira, Jefferson Costa, Hari Jan, Mikael Quites, Bruno Marcello…

Algumas estarão como extra do álbum, e caso seja possível ultrapassar a meta, colocaremos mais.

ESBOÇOS E DESENVOLVIMENTO

Atualmente estamos com os desenhos prontos da primeira história e revisando o roteiro para poder iniciar a arte final. Ao longo da campanha publicaremos mais páginas e artes.

O prazo para entrega é Junho de 2017, portanto serão dias intensos. Mas vai valer a pena, tenham certeza!

Atualizaremos vocês através dos fluxogramas mostrando o avanço da obra até o lançamento e entrega, como no modelo abaixo, um RESUMO do que é o processo de produção de uma HQ.

As recompensas são acumulativas, ou seja – é possível apoiar com o valor de R$35,00 e depois realizar um novo apoio no valor de R$10,00. Assim, a faixa muda para o pacote de recompensas maior, no valor de R$45,00.

Frete incluso para o Brasil inteiro (frete internacional disponível apenas mediante contato por e-mail)

Camisetas em parceria com a loja Seja Mesclado, na cor branca, com medidas definidas de acordo com o colaborador.


Postais e Marca Páginas.

Artes nos tamanhos A4 (21 x 29 cm) e A3 (29 x 42 cm), papel couchê 170 gramas.

Vamos disponibilizar todas as que forem criadas longo da campanha, como recompensas.

HQ A Canção de Mayrube – O Início.

Formato Americano – 17 x 26 cm, Colorida, Papel Couchê 115 fosco.

Exemplos de páginas originais tamanho A4, feitos á lápis ou nanquim, exclusivos e personalizados, com tema definido pelo artista. Exemplos:


Exemplos de Páginas originais á lápis ou arte finalizadas, formato A3.

Ilustrações feitas por artistas convidados, formato A3 e A4.

O valor para viabilizar o projeto é de R$ 12.000,00 (Doze Mil), divididos entre o custo da impressão, cerca de 65% do total, os 13% do Catarse e os demais para pagar a editoração, produção e envio das recompensas. Cada colaboração dada é muito importante para que o projeto se torne realidade.

Cada meta que alcançarmos abrirá novas possibilidades para ampliar o material a ser publicado, garantindo uma experiência maior e com mais qualidade. Isso incrementa o valor arrecadado no Catarse e melhora o projeto, beneficiando você, apoiador. Por isso é importante divulgar sempre para suas redes.

  • R$ 14.000,00 – ??????????
  • R$ 16.000,00 – ??????????
  • R$ 18.000,00 – ??????????
  • R$ 20.000,00 – ??????????
  • R$ 22.000,00 – ??????????


Marcelo Kina tem 32 anos e é natural de São Paulo, formado em Artes Plásticas pela UNESP em 2008. Desde então, trabalha como Coordenador Reticulista na Maurício de Sousa Produções. e como Ilustrador e Arte finalista freelancer.

https://www.behance.net/MarceloKina

Pedro Minho Autodidata, é um artista de desenvolvimento visual para animações e séries de TV como Dino Aventuras (Disney Channel), longa metragens e vídeos publicitários. Atualmente vive em São Paulo, trabalhando como artista freelancer para diversos estúdios e produtoras no Brasil, ajudando no desenvolvimento de projetos de animação e sempre mergulhado em uma rotina de estudos, buscando compreender seu papel como artista.

www.pedrominho.tumblr.com

www.minhoart.carbonmade.com

Hugo Canuto – Natural de Salvador, reside em São Paulo, aonde trabalha como ilustrador Freelancer, criador de histórias em Quadrinhos e Concept Artist, produzindo em meios digitais e tradicionais. Formado em Arquitetura pela Universidade Federal da Bahia, expressa a relação entre arte e mitologia de muitas maneiras, seja nas cidades imaginárias pintadas em murais do #NAPAREDE, na saga de fantasia épica a Canção de Mayrube e agora, através do projeto Contos de Òrun Àiyé.

Para outros trabalhos, acessem o site www.hugocanuto.com, portfólio virtual.

Agradecimentos a Zeno Millet, Danielle Loreth, Wesley de Paula, Bruno Góes, Clara Dias do Nascimento, P.J.Pereira, Marcello Fontana, Sérgio Barreto, Fábio de Lima, Miriã Fonseca e Oliver Borges.

É isso pessoal, muito obrigado desde já pela ajuda, divulgação e colaboração financeira para tornar esse projeto realidade!

Link da campanha no Catarse AQUI

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePin on Pinterest

Ponto Zero é um site de entretenimento cultura com foco em produção textual e análises de várias mídias como os quadrinhos, cinema, games, música, teatro e literatura.

67 views
Scroll Up