Article

Escritor inglês Terry Pratchett faleceu ao 66 anos

Oito anos após ser diagnosticado com Alzheimer, autor da série Discworld dá adeus aos fãs ao redor do globo.

Celebrado pelo mundo todo, Sir Terry Pratchett tinha uma carreira invejável, não à toa era considerado um dos grandes autores de fantasia das últimas décadas. Ao iniciar sua carreira aos treze anos de idade, Pratchett bebeu na fonte de outro grande mestre, ninguém mais, ninguém menos que J.R.R. Tolkien e sua extensa obra das sagas da Terra Média. Após vender sua primeira história, o autor comprou uma máquina de escrever de segunda e deu continuidade ao trabalho criativo no qual ergue sua vida toda.

TP

Após anos trabalhando como jornalista e assessor de imprensa, Pratchett escrevia nas horas vagas, quando em 1983 publicou o livro “A cor da Magia”, o primeiro livro da série Discworld e seu primeiro grande sucesso de crítica e público, arregimentando fãs do gênero de fantasio pelo mundo todo.

Segundo o site da BBC, Pratchett veio a óbito sobre sua própria cama, em sua residência ao lado da família constituída pela esposa Lyn e a filha do casal Rihanna. O autor foi diagnosticado com Alzheimer em agosto de 2007, a luta terminou na quinta passada, 12 de março. Entre as declarações de amigos e admiradores ganha destaque o texto escrito pelo também inglês Neil Gaiman em seu website pessoal (AQUI).

Terry Pratchett escreveu mais 70 livros, sua obra foi traduzida em mais de 37 idiomas, vendeu mais de 70 milhões de cópias em 44 anos de carreira (segundo dados da Amazon)

I’ll miss you, Terry.
I’m not up to writing anything yet. Maybe one day.
Neil Gaiman

 

Fonte: BBC News

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePin on Pinterest

É Designer de produtos e gráfico, desenhista nas horas vagas e aos trancos e barrancos um estudioso de Semiótica. Nutre estranhas fixações por processos narrativos experimentais e acredita que o mundo caminha para ser cada vez mais parecido com um Game

81 views
Scroll Up