Article

DARK HORSE APRESENTA | Depois de longa espera temos a segunda edição

Depois de um hiato, assim como o sofrido pelo Universo Valiant (veja AQUI o retorno), a versão nacional de uma das mais consagradas antologias de quadrinhos norte-americanas chega finalmente as bancas brasileiras o segundo número de Dark Horse Apresenta ( Dark Horse Presents).  Uma ótima alternativa para quem procura quadrinhos para variar um pouco do universo dos super-heróis, com autores consagrados e novos talentos escrevendo seu nome no fantástico mundo dos quadrinhos, a revista é publicada pela HQM Editora .

imagem 001

O segundo número da mais consagrada antologia moderna dos quadrinhos norte-americanos já está no Brasil. Três vezes vencedora dos prêmios Eisner, a DARK HORSE APRESENTA é a única a apresentar histórias de veteranos e jovens quadrinistas em suas páginas.

Se a estreia já foi marcada por histórias de Frank Miller e Mike Mignola, a continuação não poderia ser menos recheada de talentos. Howard Chaykin (American Flagg!) continua seu épico criminoso Marked Man, sobre um pai de família que precisa levar uma vida dupla para continuar colocando comida em casa em um período de crise financeira no país norte-americano. O já lendário Neal Adams (Batman) também continua marcando presença com sua série de ficção científica, Blood. A cartunista Carla Speed McNeil apresenta o segundo capítulo de sua comédia dramática Finder. O divertidíssimo Mr. Monster, de Michael T. Gilbert, ainda luta para evitar que o mundo seja consumido por um grande monstro-árvore alienígena. O mestre do terror Richard Corben (Hulk: Banner) continua com sua nebulosa saga no Mundo Sombrio. David Chelsea relata mais confusões da garota conhecida como Anjo da Neve. Já o nove vezes vencedor do Eisner, Paul Chadwick, conta mais uma história inédita de sua seminal criação Concreto.

imagem 002

E ainda: duas novas histórias estreiam nas páginas da revista, ambas retratando futuros distópicos da humanidade. Em Número 13, Robert Love e David Walker mostram as desventuras de um garoto androide enquanto ele tenta encontrar não só seu criador, mas o sentido da vida. Já em A Maçã Podre, de Sanford Greene e Chuck Brown, uma mercenária e seu parceiro zumbi precisam encontrar uma pedra mística antes que um antigo deus recupere seus poderes e domine o planeta.

Como já é tradicional nas publicações da HQM Editora, esta revista apresenta duas edições de capa: uma apresentando Blood, de Neal Adams, e a outra um pin-up super especial do brasileiro Fábio Moon, vencedor do Eisner com sua série de histórias Daytripper. A edição também tem quarta capa e ilustrações internas de Geof Darrow (Big Guy e Rusty, o Robô).

A edição vem em formato americano, papel de qualidade que principalmente não interfere nas imagens, com 84 páginas ao preço de R$ 12,90, e duas capas variantes.

A revista em quadrinhos Dark Horse Presents se confunde com a história da editora Dark Horse Comics fundada em 1986, foi à primeira revista publicada pela editora e ganhou grande relevância nesta trajetória, pois com a boa aceitação do publico tornou-se o carro chefe da mesma, e uma das mais cultuadas antologias do mercado americano de comics, trazendo uma variedade de estilos e autores, esta primeira encarnação durou até setembro de 2000 quando foi cancelada na edição de nº 157. Sua volta foi um tanto inusitada, pois passou a ser publicada no MySpace em formato digital, de julho 2007 até agosto de 2010, onde atingiu o numero de 36 edições que posteriormente seriam transformados em seis encadernados, os chamados trade paperbacks. A revista voltaria ao seu formato impresso em sua terceira encarnação iniciada em abril de 2011.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePin on Pinterest

É Bacharel em Psicologia, porém optou por sua grande paixão trabalhando como ilustrador e quadrinhista. É sócio do Pencil Blue Studio e Ponto Zero, podendo assim viver e falar do que gosta: quadrinhos, cinema, séries de TV e literatura.

87 views
Scroll Up