Passo a Passo #1: construindo uma página de HQ

passo a apsso 1

Na estreia da coluna passo a passo, o artista do Pencil Blue Studio, Elias Martins, nos conduz pelo processo de construção de uma pagina de quadrinhos do roteiro a arte final.

Layout da página
Layout da página

Quando recebo o roteiro leio o mesmo uma vez um grupo de umas dez paginas. Depois volto e releio novamente a pagina em que irei trabalhar. No canto do próprio roteiro começo a rascunhar pequenos quadrinhos de cada cena de forma desordenada apenas pra captar a essência de cada ação.

Após ter os quadros rascunhados, aí sim eu elaboro um layout. Vale a pena dispor de uma meia hora pensando no que ficaria melhor naquela determinada pagina.

Após isso envio para aprovação. Eu gosto de escrever o texto das falas do roteiro nas cenas. Assim fica mais fácil para o editor/escritor interpretar o que eu pretendia naquela determinada cena. Se tiver um erro de interpretação do roteiro ele encontrará de forma mais fácil.

Abaixo segue um exemplo do roteiro da pagina 1 da primeira edição de mother and Son que fiz para Grayhaven Comics:

BOOK ONE

PAGE ONE (Four panels)

[ONE]
Splash panel.
A young WOMAN – age nineteen or twenty – is down on her knees with her face pressed to the floor. It is a standard execution position. She is blubbering and looks completely terrified. AINSLEY is holding a gun – a P99 with silencer – toward the back of the woman’s head. The angle is slightly off-center, so that the shot will enter the back-right and exit the front-left at the eye. Her face is a mask. She looks a soldier who is simply doing what needs to be done. Ruthless, but necessary. Ainsley is the center of focus of the scene.

The room they are in is a standard basement. A furnace might be visible in the background, as well as a stairway heading up. There is a drain on the floor as well. It’s a typical space slab space without much else of interest, except maybe an occasional box as the space is used for storage. The woman’s purse is off to the side, its contents spilling out onto the floor. The location isn’t particularly relevant. The figures are central to the scene.

Página a lápis
Página a lápis

Woman: I’ll do anything you want. Please, just-
AINSLEY : You’re certain?
Son (VO): Yes.

[Two]
Run panels two and three side-by-side.
Tight view of the woman with her face pressed to the ground. She’s practically kissing the cement as she speaks. The gun is still in position.
Woman: -let me go.

[Three]
Similar to three, but the shot has been fired. It exits the front-left of her face having blown out the eye. There is an appropriate level of blood, and the Woman’s face is now against the cement. She is pretty much DOA.

[Four]
A full-body view of the Woman. Her position didn’t change much, other than to shift forward as her body went slack. AINSLEY is crouched down, gun in one hand, and checking the Woman’s pulse at her neck in the other. Ainsley is just being thorough. She’s very clinical about what she is doing.
Son (VO): Better now than after she bloomed.

O uso das Referencias é muito importante. Hoje o mercado de quadrinhos americano exige trabalhos mais consistentes. Eu faço muito o uso de referencia. Principalmente para veículos e cenários.

Eu utilizo a arte final sempre no bico de pena e naquim. Acho interessante a arte final digital mas geralmente acabo não gostando do resultado por achar que a tinta nanquim é bem melhor para se ver numa pagina de comics depois que o trabalho já está impresso.

Abaixo segue a arte final da pagina junto com as cores da talentosa Diana Martinez.

Página com com tinta e página colorida
Página com com tinta e página colorida
Veja aqui a entrevista com Elias: http://www.pontozero.net.br/?p=706

Acesse o Pencil Blue Studio: http://www.pencilbluestudio.com

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someonePin on Pinterest

É Bacharel em Psicologia, porém optou por sua grande paixão trabalhando como ilustrador e quadrinhista. É sócio do Pencil Blue Studio e Ponto Zero, podendo assim viver e falar do que gosta: quadrinhos, cinema, séries de TV e literatura.

423 views
Scroll Up